Ouvido, Visto, Respeitado – Heard Seen Respected (HSR)

Pratique escuta mais atenciosa e empatia com colegas

Panorâmica

Esta atividade estimula a capacidade de empatia dos participantes através de três passos simples: ouvir, reconhecer e responder, com o elemento benéfico da compaixão. A arte de ouvir aumenta o nível de confiança mútua entre membros do mesmo grupo. Fortalecido por uma experiência HSR de dar e receber, os participantes se tornam ouvintes mais conscientes e sensíveis.

Quando usar

  • Revelar como é comum pessoas sentirem que não estão sendo ouvidas, vistas ou respeitadas e como pessoas se comportam de forma a fazer que outros sintam que não estão sendo ouvidos, vistos ou respeitados.
  • Melhorar a escuta, sintonia e empatia entre os membros do grupo.
  • Observar o quanto pode ser realizado apenas ouvindo.
  • Confiar mais uns nos outros ao enfrentar situações novas ou confusas.
  • Oferecer uma catarse após tensões em relacionamentos.
  • Ajudar gerentes a entender quando escutar é mais eficaz do que tentar resolver um problema.
  • Durante reuniões regulares, para melhorar a qualidade de escuta e empatia com o outro.
  • Para períodos de transição quando perguntas sobre o futuro são irrespondíveis (por exemplo, integração pós-fusão, perturbações no mercado, convulsão social) e ouvir com empatia é o que é necessário.
  • Quando um indivíduo ou grupo sofreu uma perda e precisa de um fórum para compartilhar sua dor ou desespero.
  • Para melhorar relações de subordinação individuais em toda a organização.

Como aplicar

Começar:

Convide os participantes a compartilhar uma história referente a uma ocasião em que não foram ouvidos, vistos ou respeitados.

Montagem:

Cadeiras frente a frente, alguns centímetros entre os joelhos dos participantes.

Todos falam em rodadas, em cada um dos papéis, como contador de histórias e como ouvinte. Os participantes trabalham em duplas durante a entrevista, e depois em grupos de quatro para refletir sobre o que aconteceu.

Tempo/Passos:
  • 3 minutos: Introduzir o propósito do HSR – praticar a escuta, sem tentar corrigir algo ou fazer qualquer juízo.
  • 15 minutos: Um de cada vez. Cada pessoa tem 7 minutos para compartilhar uma história na qual ela não foi ouvida, vista ou respeitada. Oriente o ouvinte a evitar quaisquer interrupções que não sejam para fazer perguntas como “O que mais?” ou, “O que aconteceu depois?”.
  • 5 minutos: Participante compartilha a experiência de ouvir e contar histórias com seu/sua parceiro/a.
  • 5 minutos: Em um grupo de quatro, os participantes compartilham reflexões usando o 1-2-4-Todos, perguntando “Que padrões são revelados nas histórias? Que importância você atribui ao padrão?”.
  • 5 minutos: Pergunte ao grupo todo: “Como o HSR poderia ser usado para abordagem dos desafios revelados pelos padrões? Que outras metodologias de aprendizagem poderiam ser usadas?”.

Como adaptar

Dicas

  • Essas dicas devem ser compartilhadas com os participantes.
  • “O seu parceiro pode estar pronto antes de você. A primeira história que vem à mente é muitas vezes a melhor”.
  • Estabeleça segurança, dizendo: “Talvez seja melhor não escolher a história mais dolorosa que vem à mente”.
  • Estabeleça segurança, dizendo: “Proteja cuidadosamente a privacidade do contador de histórias. Pergunte que partes, ou apenas alguma, você pode compartilhar com outras pessoas”.
  • Sugira, “Preste atenção quando você formar um juízo (sobre o que é certo ou errado) ou uma ideia sobre como você pode ajudar, e em seguida tente não levar em consideração”.

Leave a Reply

avatar
Photo and Image Files
 
 
 
Audio and Video Files
 
 
 
Other File Types
 
 
 
  Subscribe  
Notify of