Heurística de Ayuda

Pratique métodos progressivos para ajudar outros, receber ajuda e pedir ajuda

Panorâmica

Heurísticas são estruturas que sinalizam elementos importantes a serem considerados ao entrar em uma nova situação. É uma ferramenta para desenvolver, simultaneamente, uma visão mais profunda e aperfeiçoar a resposta com uma atitude de tomada de decisão rápida. Este método é baseado em intercâmbios de curta duração que revelam heurísticas eficazes.

Quando usar

  • Evitar armadilhas comuns ao dar e pedir ajuda.
  • Alterar padrões indesejados de ajuda que incluem: soluções prematuras, conselhos desnecessários; adição de pressão para forçar uso de aconselhamento; seguir para passos seguintes rápido demais; esforço exagerado para não ajudar demais.
  • Alterar padrões de pedidos de ajuda indesejados que incluem: desconfiança, não compartilhar o real problema; aceitar ajuda sem propriedade; procura por validação, não ajuda; rancor por não estar recebendo ajuda suficiente.
  • Melhorar a coordenação inter-profissional em qualquer grupo profissional.
  • Expandir opções quando a frustração toma conta durante o processo de dar ajuda a outro membro da equipe de trabalho.

Como aplicar

Começar:
  • Você está convidado a visualizar todas as interações humanas como ofertas que são aceitas ou bloqueadas (por exemplo, artistas de improvisação são treinados para aceitar todas as ofertas).
  • Você está convidado a agir, reagir ou observar quatro padrões de interação.
  • Você está convidado a refletir sobre o seu próprio padrão, bem como mudar como você pede, oferece e recebe ajuda.
Montagem:
  • Em pé, de frente uns para os outros. Todos têm um dos três papéis possíveis (é uma boa ideia trocar os papéis na medida em que a atividade progride). Forme grupos de três: uma dupla interagindo (cliente e treinador), mais um observador. É uma boa ideia trocar os papéis na medida em que a atividade progride.
Tempo/Passos:
  • Quatro rodadas de 1-2 minutos de interações improvisadas, seguidas de 5 minutos de debate.
  • Um cliente compartilha um desafio que lhe interessa. Enquanto o observador presta atenção, o treinador responde seguindo o seguinte padrão:
  • Presença Silenciosa: o treinador aceita todas as ofertas, e ouve com compaixão.
  • Descoberta Guiada: o treinador aceita todas as ofertas e orienta uma indagação para descobertas mútuas.
  • Provocação Carinhosa: o técnico insere conselhos, aceitando e bloqueando ofertas, conforme necessário.
  • Consciência Sobre o Processo: o treinador e o cliente aceitam todas as ofertas, usando o máximo da sua inteligência. Eles devem perceber como novas possibilidades são amplificadas por esta abordagem mental.
  • Faça um debate sobre a utilização de todos os quatro padrões de ajuda.

Como adaptar

  • Cada pessoa pode ser convidada a criar o seu próprio perfil, auto-identificando seus padrões de base e oportunidades de crescimento.
  • Comece com os padrões ‘divertidos’: neutro (resposta nula) e de bloqueio ao ignorar e interromper.
  • Usado quando uma atividade como O que necessito de você (WINFY) não atingir o seu pleno potencial – quando você tiver caído em um dos padrões indesejados de pedir ou dar ajuda.

Dicas

  • Incentive as pessoas a trocar de papéis em cada rodada.
  • Focalizar no cliente para que encontre as suas próprias soluções (auto-descoberta em um grupo).
  • Observe diferenças de status, o cenário, linguagem corporal, comportamento, sinais sutis.
  • A primeira rodada pode ser usada como preparação para um trabalho mais profundo em qualquer um dos padrões (isto é: presença silenciosa, descoberta guiada, provocação carinhosa e consciência sobre o processo).

Leave a Reply

avatar
Photo and Image Files
 
 
 
Audio and Video Files
 
 
 
Other File Types
 
 
 
  Subscribe  
Notify of